top of page

Riscos de acidente por uso de celular ao volante supera risco por uso de álcool

No Brasil, um em cada cinco motoristas admite manusear o telefone ao dirigir

O uso de celular ao volante aumenta em 400% o risco de causar um acidente, revela pesquisa realizada pelo Instituto de Autoridade de Segurança do Trânsito dos Estados Unidos. No Brasil, acidentes causados por uso de celular ao volante se tornaram a segunda maior motivação de morte por causa externa, superando o número de acidentes causados por motoristas que dirigiram após o consumo de álcool, apontam dado da Associação Brasileira de Medicina do Tráfego - ABRAMET.

A explicação para o número tão alto fica clara quando se constata que ao ficar 4,5 segundos olhando para a tela do celular, o condutor de um veículo que está a 50 km/h percorre 63 metros sem olhar para a via, segundo dados do Centro de Experimentação e Segurança Viária – CESVI.

O presidente da NitTrans, Gilson Souza, alerta para os riscos de desvio de atenção provocados pelo uso de celular ao volante: “Quando o motorista usa smartphone enquanto dirige, sua atenção no trânsito fica severamente comprometida. Os focos da visão e da audição ficam desviados para o telefone, cegando o motorista para possíveis riscos na via, no trajeto, em outros veículos e especialmente em relação a pedestres e ciclistas. A desatenção ao volante coloca em risco a vida do motorista infrator e também as vidas de outras pessoas”.

Dados do Ministério da Saúde mostraram que 19,3% da população das capitais brasileiras admite manusear o telefone celular enquanto dirige. Isso significa que, em média, uma a cada cinco pessoas no Brasil comete essa infração de forma cotidiana, levando ao aumento do risco de acidente. A informação é do Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico - Vigitel de 2018.

A utilização de celular ao volante é proibida no Código de Trânsito Brasileiro e passível de multa de R$ 293,47, além da medida administrativa de 7 pontos na carteira de habilitação. Além disso, o motorista que estiver conduzindo o veículo com apenas uma das mãos ao volante também estará cometendo infração de trânsito, que prevê multa de R$ 130,16 e 5 pontos na CNH.

campanhas capa - site.png
bottom of page